O Início da Navegação e o roubo de nossas riquezas

Publicado em Artigos

WilsonAté o ano de 1620 o "Velho Chico" não era navegado. Somente com a notícia do descobrimento de ouro, em suas cabeceiras, o "rio de barbas brancas" passou a ser a principal via de acesso entre o Oceano Atlântico e a então Colônia das Minas Gerais.

Antes da descoberta do ouro, a região do Grande Vale Sanfranciscano era tida como algo sem importância pela Coroa portuguesa, visto que, as Vilas que nasciam à sombra dos "currais" para o criatório de gado eram defasadas em relação ao progresso verificado em outros centros urbanos do litoral. Esse atraso deveu-se às dificuldades de comunicação.

Devido ao atraso da região, apesar da existência dos "currais", em 1620, um estudioso de nome Vicente Licínio Cardoso, que foi contratado pela Coroa para fazer um estudo de viabilidade econômica da região; em seu relatório ele escreveu a seguinte conclusão: O São Francisco é um rio sem história; uma região sem futuro".

Com a descoberta das minas de ouro nas cabeceiras do "Velho Chico", onde hoje é o Estado de Minas Gerais, entre 1681 e 1697, o rio que era tido como algo sem importância, passou a ser navegado intensamente por toda sorte de aventureiros. Com isso, de um dia para outro a tranqüilidade das águas do São Francisco foi substituída pelo burburinho de uma navegação intensa.

Até 1892, o comércio do ouro das minas gerais, pelo rio São Francisco, foi tão intenso, que chegaram a ser transportados pelas suas águas, para o porto de Penedo, em Alagoas, e de lá até Portugal, 71 mil e 83 arrobas de ouro, ou seja, 1 milhão, 66 mil e 255 quilos do metal precioso. Isto foi um verdadeiro assalto ao Brasil promovido pela coroa portuguesa!

As nossas riquezas continuam sendo roubadas, sendo que atualmente, pelos nossos políticos, membros das quadrilhas de bandidos de estimação do Judiciário brasileiro. O maior roubo da atualidade foi registrado no Governo Fernando Henrique Cardoso, com a participação do atual juiz federal Sérgio Moro, que na época era advogado do BANESTADO. Foram desviados do Brasil para o exterior 540 bilhões, beneficiando o PSDB, partido político do próprio Moro.

 

Por Wilson Dias

Jornalista

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar