Curaçá vivenciou uma das maiores festas da democracia

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

pedrooliveiraultimocomicioCuraçá viveu na noite da última quinta-feira (29), se não a maior, uma das maiores festas da democracia já registrada em toda sua história política. O último grande encontro da coligação "A Vez do Povo" fez jus ao nome e levou milhares de pessoas às ruas da cidade. O "galope azul" arrastou o povão que lotou a Avenida Euvaldo Aquino, local onde ocorreu o ato público, ao lado do Comitê Central. Pedro Oliveira (PSC) e Murilo Bomfim (PRB), que encabeçam o projeto, e os candidatos ao cargo de vereador das coligações proporcionais "Um Novo Caminho" e "Juntos Somos Mais Fortes" foram abraçados pela multidão, que ouviu atentamente todos os discursos. O ex-vereador Anselmo Vital (PCdoB), o atual vice-prefeito Rogério Bahia (PSDB) e diversas lideranças políticas e comunitárias também participaram do momento histórico.

A noite foi de agradecimento ao povo de Curaçá pela demonstração de carinho e pelo desejo de mudança manifestado em todos os encontros da "onda azul". Rogério Bahia abriu os discursos e ressaltou que a campanha de Pedro foi limpa e com propostas apresentadas. "No palanque de Pedro Oliveira, Murilo e nossos vereadores não houve ofensas pessoais. Aqui tiveram propostas para saúde, para educação, para uma melhor qualidade de vida. Quero agradecer a todos por me permitirem fazer parte dessa campanha. E confesso que estou envaidecido e orgulhoso por fazer parte dessa grande demonstração cívica, pois quando o povo quer, o povo muda", disse Rogério.

Com uma fala sempre pautada no respeito ao adversário, Anselmo Vital discursou sobre o projeto de Pedro e Murilo, rebateu as críticas e comparações feitas nos palanques dos adversários e o aconselhou onde buscar forças para superar as dificuldades do caminho. "Domingo será o dia da colheita. A colheita do sonho, a colheita da luta, a colheita do projeto que você construiu e que dá a esse povo o sentimento de reconhecimento e que diz: Pedro me representa, Murilo me representa. O povo vai lhe dá a oportunidade única e absoluta de administrar uma cidade. Eu observei os discursos das noites anteriores e vi o quanto te ofenderam, mas, Pedro, seja forte. Curaçá precisa de vários Murilos, vários Armandinhos, vários Albertinos, vários Bernardinos, essas pessoas que vieram da história de famílias humildes e que sabiamente construíram seus sucessos pessoais e que hoje são atacados pelos nossos adversários. A dimensão dos sonhos está na medida das possibilidades, portanto, Pedro, valorize a sabedoria que seu pai lhe deu. Quando, no silêncio da noite, a angústia bater, as cobranças lhe sobrarem e que você sentir que não pode tudo, busque nos seus amigos leais e nesse povo fiel, a força da superação, porque o poder não pode tudo, mas pode muito. E na hora das suas escolhas, priorize os que têm menos e os que têm pouco", aconselhou Vital.

Murilo Bomfim pediu um minuto de silêncio em memória do amigo Euvaldino Nunes, agradeceu a Deus e aos amigos que acreditaram no projeto e garantiu ser um vice-prefeito atuante. "Quero agradecer a Deus, pois sem a permissão Dele nós estaríamos aqui nesse momento. Quero agradecer a minha família e aos meus amigos que estão depositando essa confiança em mim e em Pedro. Garanto que vou ser um vice atuante e participativo. Eu sei que se trabalharmos com honestidade, com os pés no chão, e com muito planejamento, as coisas andam. Vamos procurar gerar emprego e renda para os jovens e incentivar o empreendedorismo. Estou muito feliz com a essa multidão aqui em plena quinta-feira e peço mais uma vez o voto de confiança. É com o 20 que vamos fazer a mudança. E se Deus é por nós, quem será contra nós?", proferiu.

Pedro Oliveira encerrou os discursos debaixo de muitas palmas, agradeceu o apoio e o carinho recebido pelo povo, agradeceu aos partidos e a todos os candidatos da coligação e garantiu trabalhar muito para fazer a melhor e maior administração da história de Curaçá. "Eu quero agradecer a Deus pela oportunidade e pela experiência que tenho vivido esses dias. Quero agradecer o carinho recebido por cada pessoa e por cada amigo. Eu agradeço a cada criança, a cada jovem, a cada idoso pela forma carinhosa que me trataram e me receberam. Quero agradecer aos partidos que nos apoiam e também a militância que trabalhou dia e noite defendendo o projeto que não é só de Pedro Oliveira. É um projeto para tirar Curaçá do atraso, é um projeto para desenvolver o nosso Município. Nós vamos trabalhar para honrar cada um de vocês. Peço mais uma vez para votarem nos candidatos que apoiam Pedro Oliveira, pois precisamos ter uma câmara de vereadores forte, que aprove os projetos para o bem do nosso povo. Nesses últimos dias compartilhamos vários sentimentos, vontades, alegrias, sobretudo, a esperança de dias melhores para Curaçá. E domingo será a vitória do povo de Curaçá. Sou consciente da missão que temos e com muito trabalho e muita empenho nós vamos atender as necessidades de nosso povo. A missão é árdua, mas com muito pé no chão, com muita capacidade, com muita coragem, com muita determinação, nós conseguiremos. Temos um grande desafio pela frente. Prometo fazer uma grande administração, sempre pautando os princípios da ética e da transparência. Iremos trabalhar com honestidade, seriedade e respeito a todos. É uma satisfação e uma alegria imensa ver essa praça lotada. Isso mostra que as pessoas querem mudança, a mudança verdadeira, porque agora é a vez do povo. Sintam-se abraços por mim e até a vitória", discursou Pedro.

A noite memorável contou ainda com a participação maciça dos jovens, que levaram os letreiros do grupo "Juventude Azul" e fizeram um espetáculo à parte. O evento foi o último grande ato público da coligação "A Vez do Povo" antes das eleições, no próximo domingo (2).

Ascom – PSC Curaçá/BA

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar