‘Vigilantes’ vence Campeonato de Futsal

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

‘Vigilantes’ vence Campeonato de Futsal de Empresa de Curaçá

aAgitação e entusiasmo marcaram a Final do 3º Campeonato de Futsal de Empresas de Curaçá, na noite dessa sexta-feira (6), no Ginásio de Esportes Deroaldo Franco. Para ter acesso ao local, foi solicitado um quilo de alimento por pessoa, que será revertido à Campanha Natal Sem Fome, em Curaçá. O Evento teve início por volta das 20h, reunindo centenas de torcedores que prestigiaram os confrontos. A realização foi do Governo Municipal, por meio do Departamento de Esportes.

A abertura da Competição se deu por meio de um amistoso de futsal entre as equipe femininas Real e Barcelona. No primeiro tempo, o Barcelona marcou um gol. Aos 12 min do segundo tempo, o placar já era de 2 a 2 e em seguida o jogo virou, sendo finalizado em 3 a 2 (vitória do Barcelona). Às 8h45, o público agitou o Ginásio ao prestigiar a tão esperada final entre as equipes ‘Vigilantes’ e ‘Secretaria de Saúde’. A disputa foi bastante acirrada, demonstrando alto nível técnico das duas equipes, tanto é que a decisão veio nos pênaltis e com placar ‘apertado’, de 7 a 6 para a equipe Vigilantes. "Ficamos satisfeitos com a vitória. Esse é um momento importante para nós, não só pela disputa, mas também pela confraternização e a união entre os jogadores. Quero agradecer aos atletas e aos organizadores desta Competição”, frisou Rosemário da Conceição (técnico dos Vigilantes).

Já por volta das 22h, houve o momento de premiação, com a entrega de troféus, medalhas e quantia em dinheiro. Reinaldo Dias foi condecorado como o artilheiro do Campeonato; e o troféu de goleiro menos vazado foi para Medrado Dias. O Diretor de Esportes, Sérgio Robério Batista, marcou presença no Evento e fez avaliação positiva da Competição, que teve início no mês de agosto, contando com a participação de 14 equipes. “Foi um Campeonato bastante disputado, o qual contou com uma média de 150 atletas. Nós trouxemos equipe de arbitragem de fora e ficou claro que quem venceu realmente foi o melhor”, ressaltou Sérgio, acrescentando que “nosso intuito é realizar essas atividades para que o esporte no Município tenha uma função de destaque, mobilizando jovens e adultos. Queremos agradecer ao Governo Municipal e à Secretaria de Educação pelo apoio e não vamos parar por aqui. Sabemos que passamos por dificuldades, mas continuaremos buscando parcerias para desenvolver o esporte”, disse o Diretor. Além de servidores do Governo Municipal, os organizadores da Campanha Natal Sem Fome também estiveram presentes.  

Ascom Curaçá 

Adab capacita produtores de banana

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

Adab capacita produtores de banana para evitar entrada de pragas na Bahia
bananas benefícioPara capacitar e levar novos conhecimentos aos produtores de banana, com foco na defesa fitossanitária, a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura da Bahia (Seagri), realiza seminário no município de Wagner, na Chapada Diamantina, região onde o cultivo de banana está em expansão. O evento acontece nos dias 17 e 18 de novembro, no auditório do Centro Territorial de Educação Profissional da Chapada Diamantina (Cetep). “A defesa agropecuária é prioridade do Estado, e um dos principais assuntos discutidos durante o evento será a Sigatoka Negra e o Moko da Bananeira, pragas das quais a Bahia é livre, embora já existam no Brasil", explica o diretor de Defesa Vegetal da Adab, Armando Sá. O evento conta com a parceria da prefeitura de Wagner, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IF-Baiano) de Guanambi e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).
A Bahia foi o primeiro Estado brasileiro declarado pelo Ministério da Agricultura (Mapa), como área livre da Sigatoka Negra, praga que pode causar prejuízos de até 100% na produção de banana. A doença foi constatada no Brasil em fevereiro de 1998, no Amazonas, e está presente no Acre, Rondônia, Pará, Roraima e Amapá, além de Mato Grosso. O desenvolvimento de lesões de Sigatoka e a sua disseminação são fortemente influenciados por fatores ambientais como umidade, temperatura e vento.
Assim como a Sigatoka Negra, o Moko da Bananeira ou murcha bacteriana da bananeira, doença causada pela bactéria Ralstonia solanacearum, presente nos estados do Amazonas, Pará e Amapá, também é preocupação do governo baiano. "Nossa meta é evitar que estas pragas entrem na Bahia e uma das ferramentas que utilizamos é a informação, capacitando o produtor quanto às medidas preventivas", diz Armando Sá.
Produção
A banana é a fruta mais consumida no Brasil. A produção mundial dessa fruta é de mais de 106 milhões de toneladas/ano. A participação do Brasil nessa produção é de 6,9%, com cerca de 7 milhões de toneladas. O País possui condições climáticas favoráveis ao cultivo da fruta em todos os estados, e durante todo o ano. Além disso, a bananicultura é responsável por gerar milhares de postos de trabalho. No Brasil, a atividade emprega aproximadamente 500 mil pessoas diretamente.
A Bahia ocupa o primeiro lugar no ranking de produção nacional da fruta, com mais de 1,13 milhão de toneladas/ano da fruta, e 88.147 hectares de área plantada, seguida do Pará com 55.152 hectares plantados; em terceiro, São Paulo, com 54.834, e em quarto Minas Gerais, com 46.812 hectares. Os principais municípios produtores do Estado são Bom Jesus da Lapa, Wenceslau Guimarães, Ponto novo, Barra do Choça, Ibirapitanga, Ibirataia, Encruzilhada, Curaçá, Taperoá, Presidente Tancredo Neves e Teolândia. O município de Wagner está em grande expansão na produção desta fruta. A região também vem se transformando em um expoente na produção de banana irrigada.
De acordo com o engenheiro agrônomo da Adab, Alessandro de Magalhães Arantes, a produção de banana na região da Chapada Diamantina se concentra em Wagner e Utinga, municípios com grande potencial de expansão no cultivo da fruta, e é comercializada principalmente para Feira de Santana e Salvador. A produção em Wagner é principalmente de banana da variedade prata.
 
Ascom Seagri/Foto: Divulgação
 

Projeto beneficia crianças de Pedra Branca

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

Pedra Branca Projeto ‘Criança Feliz’ beneficia crianças das Agrovilas e de Pedra Branca. A realização é da Secretaria de Ação Social e Cidadania de Curaçá

Na tarde dessa sexta-feira (9), a Secretaria Municipal de Ação Social e Cidadania (SMASC) de Curaçá promoveu, no Núcleo das Agrovilas do Perímetro Irrigado de Pedra Branca, tarde de lazer alusiva ao Dia da Criança, dentro do Projeto Criança Feliz – Um pequeno gesto, um grande sorriso. O Evento reuniu centenas de crianças das escolas municipais e dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV, de 6 a 14 anos, das Agrovilas e do Povoado de Pedra Branca.

A tarde recreativa teve início por volta das 16h30, na quadra esportiva do Núcleo. Houve momentos de descontração com as crianças, as quais interagiram com o Grupo ‘Galeota das Artes’, que apresentou teatro de fantoches, cantigas de roda e trouxe noções de preservação ambiental. Os usuários do SCFV de Curaçá também animaram o público presente com apresentação de capoeira.  Em volta da quadra, foram montados brinquedos infláveis, a exemplo de piscinas de bolinha, escorregadores e pula-pulas, além das camas elásticas. Também houve distribuição de picolés, pipocas, refrigerantes e balas. As crianças aprovaram a iniciativa. “Estou adorando, gostei muito das brincadeiras. Hoje é um dia muito especial”, disse Isamara Silva, 12 anos, que é estudante da Escola Municipal Antônio Ribeiro dos Santos. Os pais também elogiaram o Projeto. “É difícil ter eventos assim para nossos filhos aqui nas Agrovilas. Meus três filhos participaram dessa tarde de lazer e eu fiquei satisfeita”, frisou Maria Edivânia Santos.

O Evento contou ainda com a presença da Secretária de Ação Social, Juçaria Brandão; a Diretora da Proteção Social Básica e Especial, Maria Lúcia Loureiro; o Coordenador do CRAS 1, Alex Ribeiro; a Coordenadora do CRAS 2, Cleide Rêgo; a Psicóloga Taciany Barros e a Assistente Social, Michelle Cruz, além de servidores da SMASC. Juçaria Brandão agradeceu o empenho de todos na realização do Projeto, o qual está em sua 2ª edição nas Agrovilas. “É uma alegria para toda a nossa equipe poder realizar esse momento de atividades socioeducativas variadas e interessantes, visando dar à criança oportunidades de lazer e sociabilidade, com ações socioeducativas. Quero agradecer também o apoio logístico das secretarias municipais de: Administração e Finanças; Educação, Cultura e Desporto; Governo; Infraestrutura; Desenvolvimento Rural e Saúde, a qual disponibilizou ambulância; além do SAAE e da Assessoria de Comunicação”, ressaltou a Secretária. Maria Lúcia explicou como se dá o financiamento do ‘Criança Feliz’. “O cofinanciamento é com recursos federais, por meio da Proteção Social Básica e da Especial. Já o Município contribui com o apoio logístico e humano”, salientou. O Evento foi finalizado por volta das 20h30.

De acordo com informações da SMASC, a próxima tarde recreativa será na segunda-feira, dia 12 de outubro, na cidade de Curaçá, na Praça de Eventos, a partir das 16h.

Ascom/Curaçá

Retomada pavimentação de Barro Vermelho

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

Obra de pavimentação no Distrito de Barro Vermelho é retomada

1O Governo Municipal de Curaçá, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, reiniciou, na última semana, a pavimentação de ruas no Distrito de Barro Vermelho, localizado a 54 km da Sede curaçaense. De acordo com o Setor Municipal de Convênios, a obra aguardava o repasse do Ministério das Cidades para ser retomada. O recurso para a sua execução é oriundo de uma emenda individual do Deputado Daniel Almeida (PC do B – Bahia) e o Contrato de Repasse é o de nº 1003988-31/2013, entre a Caixa Econômica Federal, o Ministério das Cidades e a Prefeitura de Curaçá.

O Técnico do Setor de Convênios, Givaldo Lopes, explicou que o Ministério das Cidades creditou 50% do valor do repasse, que equivale a um montante de R$ 197.100,00. “Tem muita gente que critica quando as obras param, mas é preciso entender que o repasse do Ministério das Cidades não vem no valor total, mas em parcelas; o que causa um atraso na conclusão das pavimentações”, explicou Lopes. Givaldo salientou ainda que a quantidade de ruas calçadas em Barro Vermelho será ampliada. “O Prefeito Carlinhos Brandão liberou parte de maquinário da Prefeitura, assim se irá beneficiar mais ruas do Distrito”, disse o Técnico.

Ascom/Curaçá/Foto: Rosângela Santana

Eduardo Salles e Carlinhos Brandão na CERB

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Curaça

Eduardo Salles e prefeito Carlinhos solicitam à CERB ampliação de abastecimento de água‏

IMG 20151006 WA0010A CERB (Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia) foi o destino nesta terça-feira (6) do deputado estadual Eduardo Salles, do prefeito de Curaçá, Carlinhos Brandão, e dos vereadores Adão, Laerte e Rejane.
Os cinco solicitaram a Marcus Bulhões, presidente da CERB, a ampliação e melhorias no sistema de abastecimento de água em diversas localidades do município.
A primeira solicitação foi que técnicos da CERB visitem a localidade de Poço do Catingueiro, que tem um poço artesiano com problemas hidráulicos e elétricos. “Marcus Bulhões nos prometeu enviar os funcionários o mais rápido possível”, revelou Eduardo Salles.
O segundo pedido ao presidente da CERB foi o envio de técnicos para avaliar a possibilidade de implantar sistema de abastecimento de água nas localidades de Maria Preta, Pintadinho, Barrocas, Fazenda do Meio e Logradouro. “Bulhões, mais uma vez, nos prometeu encaminhar em breve os funcionários do órgão”, acrescentou o parlamentar.
Inaugurada em 2014 pelo ex-governador Jaques Wagner, no distrito de Barro Vermelho, a Adutora do Forró beneficia a população Curaçá. “Fomos solicitar à CERB a extensão da obra para servir também o distrito de Patamuté e o povoado de Mundo Novo”, disse o prefeito Carlinhos.
“Bulhões, em função da extensão da obra, que chega a 40 quilômetros, nos orientou a entregarmos um ofício pedindo à CERB a elaboração do projeto executivo. Apesar da escassez de recursos, o presidente nos garantiu esforço para contemplar a população de Curaçá”, comemorou Eduardo Salles.
O quinteto visitou o governador em exercício, João Leão, e pediu o apoio dele nas obras de recuperação das estradas baianas que cortam o município.

 

ASCOM