Campo Alegre de Lourdes: Água, um sonho que se torna realidade

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Outras cidades

thumbnail Gean Antunes de olho nas obrasCampo Alegre de Lourdes é um município no extremo norte da Bahia. Com mais de 2.700 quilômetros de área territorial e em torno de 30 mil habitantes, calor o ano inteiro, Campo Alegre, já foi Peixe e Catita nos tempos em que era distrito de Remanso. Se não lhe faltavam nomes; nunca do agrado dos que lá nascem e vivem, sempre faltou água.

Ao longo de 70 anos, desde o reconhecimento como vila em 1938, inúmeros políticos faturaram votos e liderança com duas promessas básicas ao povo de Campo Alegre: Estrada e Água. Poucos levaram a sério as promessas, que apesar do esforço de alguns, nunca saíram do papel.

Esta realidade começou a mudar em 2012. Gean Antunes, Presidente da Associação Popular Campo Alegrense em Prol da Adutora do Rio São Francisco, com a colaboração dos Agentes Comunitários de Saúde, recolheu 7.649 assinaturas e, com o abaixo assinado em baixo dos braços, caminhou por todos os órgãos estaduais e federais reivindicando a construção da adutora a partir do Rio São Francisco, a menos de 100 quilômetros.

Naquele ano, de deputados à presidente da República e dirigentes de órgãos federais receberam o documento e em 2013, o então Ministro Fernando Bezerra Coelho, atendendo a população de Campo Alegre e ao vereador de Petrolina, Pérsio Antunes (Campo Alegrense), autorizou a execução do projeto da adutora, conforme contrato 0.118.00/2013, no valor de 79,6 milhões, com data de início em 25/01/13 e término em 21/03/17.  Em outubro de 2013, o governador da Bahia Jacques Wagner e o Presidente da Codevasf, lá em Campo Alegre, sob o sol de 40 graus, assinaram a ordem de serviço de execução da adutora.

Gean Antunes não se acomodou: Continuou acompanhando as obras, se informando das dificuldades de liberação dos recursos. No último dia 25, Gean Antunes e Pérsio Antunes, em Brasília, conseguiram junto ao Senador Fernando Bezerra e à Presidente da CODEVASF, Kênia Régia Anasenko, interferência junto ao Ministério do Planejamento para a liberação de um aditivo, no valor de 19,2 milhões de reais, necessários para o término da obra. Além disso a Presidente da CODEVASF liberou os recursos necessários à COELBA para energização da adutora.

Em 60 dias, a sede de Campo Alegre dará fim à sede; dentro de mais algum tempo Angico dos Dias, comunidade de Campothumbnail Gean Senador Fernando Bezerra e Persio Antunes Alegre também receberá água do São Francisco; graças a Gean Antunes, ao Senador Fernando Bezerra Coelho, à Pérsio Antunes e à vontade, fé e determinação do povo de Campo Alegre que nunca desistiu do sonho.

“Na inauguração, já garantida a presença do Senador Fernando Bezerra e a Presidente da CODEVASF, teremos o Povo e todos aqueles que contribuíram com a realização deste sonho” – comemora Pérsio Antunes e completa – “Dessa vitória todos vão querer se apropriar, mas a História, documentada, mostra quem realmente foi à luta”. (Por Manoel  Leão/Fotos: Divulgação)

thumbnail Gean Antunes discursa em 2013