Projeto socioeducativo leva...

Publicado em Petrolina

thumbnail 04...cinema nacional e gratuito a escola pública de Petrolina, PE.

Cerca de 150 estudantes assistiram a uma sessão diferenciada de cinema nesta segunda-feira (11) na Escola Eduardo Coelho, no bairro São José, próximo ao centro de Petrolina (PE). O projeto Clube de Cinema, idealizado pelo Plenus Colégio e Curso, exibiu o filme nacional ‘Lisbela e o Prisioneiro’, estrelado por Selton Mello e Débora Falabella, e lotou o auditório da unidade escolar.

Durante quase duas horas, os alunos vivenciaram uma experiência que é inédita para alguns. Sem nunca ter ido a uma sala de cinema antes, o estudante José Nilton Gonçalves, 41 anos, disse que também é a primeira vez que participa de um cine na escola. “Gosto de assistir filmes e sempre me identifiquei com esses que mostram a nossa realidade, do Nordeste. Até hoje só assistia em casa, e essa experiência, com tantas pessoas reagindo juntas, trouxe uma sensação muito boa”, disse ele.  Já tradição nas salas de projeção, os estudantes ainda tiveram direito a pipoca e refrigerante.

A pedagoga da Escola Eduardo Coelho, Ana Maria Sampaio, entende que iniciativas como o Clube de Cinema exercem um papel socioeducativo importante para os estudantes. “Trazer para sala de aula uma proposta dessa, que mostra a produção nacional é bastante significativa. Quando essa produção tem uma linguagem acessível, dinâmica e que mostra nossos regionalismos, como é o caso de Lisbela e o Prisioneiro, a iniciativa se torna mais importante ainda, porque faz com que os alunos se vejam e se identifiquem na telona”, analisa.

O Clube de Cinema existe há 10 anos e exibe, uma vez por mês, um longa-metragem clássico, de arte e educativo. São vários filmes exibidos, sempre com uma mensagem social. O acervo do Plenus conta com 150 produções, entre nacionais e estrangeiras.

O coordenador do projeto, Genivaldo Nascimento, diz que mesmo acostumado com as exibições, sempre tira uma mensagem nova dos filmes e se alegra ao ver as reações dos alunos/membros do clube, enquanto assistem aos longas. “Esse é um projeto que temos muito prazer em executar, principalmente quando observamos as emoções expressas involuntariamente pelos nossos estudantes”.

Ao término de cada exibição, são debatidos aspectos técnicos e de criação das obras cinematográficas e cobrados dos alunos comentários e textos críticos acerca do desempenho dos atores, direção, fotografia, música e roteiro. Depois da sessão desta segunda, Genivaldo e os professores da Escola Eduardo Coelho pediram a resenha crítica.

 
CLAS Comunicação & Marketing

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar