Prefeitura de Sento-Sé adere ao “Movimento Pró-Município

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Sento-sé

thumbnail FACHADA DA PREFEITURASENTOSEA Prefeitura Municipal de Sento-Sé estará aderindo nesta quinta-feira, 26, ao “Movimento Pró-Município”, a ação tem como objetivo chamar a atenção dos poderes Estadual e Federal para a situação financeira das prefeituras.

Esta foi uma proposta da União dos Municípios da Bahia (UPB) juntamente com Presidentes de Associações e Presidentes dos Consórcios por causa da crise econômica que os municípios baianos estão passando.

No dia 26, as Prefeituras fecharão as portas e realizarão mobilização, trabalhando apenas os serviços essenciais. E os prefeitos estarão em Salvador, saindo da sede da UPB às 8h da manhã em direção a Assembleia Legislativa do Estado da Bahia para uma audiência pública. Na sessão solene, os Gestores, Deputados e Senadores baianos, estarão debatendo sobre os repasses financeiros e outros assuntos.

Tâmara Tárcia/Ascom PMSSE

Projeto Cisternas segue em Sento-Sé

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Sento-sé

7ba7b9f2 aaed 4dda 909d 4f2e7224ba25O Projeto Cisternas segue proporcionando mais qualidade vida aos homens e mulheres do campo que precisam viver e produzir no semiárido. Após alcançar 100% da meta na construção de barreiros nos municípios de Remanso, Curaçá, Canudos, Casa Nova, Uauá, Sobradinho e Remanso, o Consórcio Sustentável do Território do São Francisco (Constesf) deu início a mais uma etapa de construção de barreiros em Sento-Sé. 

Em 2016 foram entregues 50 barreiros no município e nesta próxima etapa mais 52 famílias serão beneficiadas gratuitamente com construção da tecnologia, capaz de armazenar até 500 mil litros de água, em suas propriedades.

De acordo com o Presidente do Constesf e Prefeito de Canudos, Genário Rabelo, além de Sento-Sé, mais dois municípios terão o Projeto Cisternas iniciado nos próximos dias. "Apesar das dificuldades financeiras que o país enfrenta, temos conseguido tocar o projeto proporcionando acesso à água a quem mais necessita. É preciso garantir que as famílias que vivem nas zonas rurais tenham água para comer e produzir e é isso com o Constesf vem fazendo. Visando isso, iniciamos mais uma etapa em Sento-Sé, e iniciaremos a construção de barreiros também em Campo Alegre de Lourdes e em Pilão Arcado", afirmou.

O Projeto Cisternas tem o objetivo de garantir às famílias do Território o acesso à água no período de estiagem, através da captação e armazenamento de água nos períodos de chuva. A meta é universalizar o acesso à água de qualidade em todo o Território do São Francisco, formado por 10 municípios.

Ascom Constesf

Semana de Suplementação em Vitamina A ultrapassa a meta com 104,5% em Sento-Sé

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Sento-sé

thumbnail Suplementação em Vitamina A 1A Semana de Suplementação em Vitamina A, em Sento-Sé, ultrapassou a meta do município com 104,5 % em 15 dias de campanha. Essa ação foi promovida pela Secretária Municipal de Saúde, em parceria com o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) e os Agentes de Saúde. 
A ação iniciou no Distrito do Piçarrão, depois no Pirí, Ponta D'agua, Volta da Serra, na Tombador, Aldeia, Pascoal, Limoeiro, na praça principal da sede, Região das Ilhas, Região da Pedra Branca, Bazuá, Quixaba, Riacho dos Paes, Itapera, Brejo de Fora e Brejo da Brasída.
A suplementação está voltada para crianças de 12 a 59 meses, a campanha continua não interior e na sede do município.
A Nutricionista, Taate Araújo falou da ação no município, " com a suplementação de Vitamina A, as crianças do nosso município tem um menor risco de problemas respiratórios, na pele e visão. Baixa imunidade, dificuldade de crescimento e desenvolvimento, que são problemas que podem surgir com a deficiência dessa vitamina. A população abraçou a campanha e o apoio das equipes da Secretária de Saúde foi fundamental para o sucesso, disse Araújo.
 
 
Tâmara Tárcia/Ascom PMSSE

Museu de Sento Sé já está aberto com Plano Museológico

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Sento-sé

Espaço ajuda a compreender a história e características do povo cujas terras foram perdidas submersas na Barragem do Sobradinho na década de 1970.

thumbnail FolderO Museu de Sento Sé (Rua Theodulo Albuquerque, 44, Centro), na cidade de mesmo nome localizada a 698 km de Salvador, está aberto com Plano Museológico para visitação graças à política pública do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC) da Secretaria de Cultura (SecultBA) e recursos do Fundo de Cultura. A proponente do projeto inscrito nos Editais de Museus/IPAC, Maria do Socorro Reis Miranda (Tia Soca), coleciona centenas de objetos de famílias do município. “Além do Plano Museológico, que cria e estabelece etapas de funcionamento de um espaço museal, fizemos o arrolamento tipológico (levantamento) do grande acervo”, afirma a museóloga e consultora, Simone Trindade, contratada do projeto. Segundo ela, a próxima etapa será a proponente providenciar a criação de um Conselho Curador para institucionalizar o museu.

 “Também fizemos painéis com dados, desde a época indígena, passando pela colonização portuguesa, o contexto arqueológico da região, até os dias atuais”, diz Simone. Ela explica que foi criada exposição itinerante como ação educativa para escolas, para dar conhecimento público do museu e estimular os professores e estudantes a frequentar o local. A casa de Tia Soca, onde está o museu, detém 250m² de área. Antes conhecido como ‘Acervo Cultural Né Balaio’ o conjunto reúne mais de mil objetos. O espaço será utilizado como referência de história, cultura, aprendizado e memória. “Para perpetuar é fundamental que a coleção fosse musealizada, institucionalizada, tornando-se um espaço profissional”, completa a proponente Tia Soca.

POLÍTICA CULTURAL DE MUSEUS – Para a museóloga e coordenadora de Editais do IPAC, Ana Coelho, o Museu de Sento Sé é mais um exemplo de como as ações de fomento do Fundo de Cultura estimulam e apoiam a política pública museológica na Bahia à cargo do IPAC. “A proponente Socorro Reis teve oportunidade de saber do Museu de Remanso, igualmente apoiado pelos Editais IPAC/SECULT, o que demonstrou para ela que concretizar um em Sento Sé também seria possível”, comenta a coordenadora estadual. Os editais possibilitam a contribuição de profissionais e especialistas das áreas de restauro, arquitetura, educação patrimonial e museologia na política pública de fomento à cultura. O IPAC administra os editais de museus, patrimônio cultural, arquitetura, urbanismo e restauro.

Com a temática-título de ‘Um Rio de Memórias’, o museu mostra como as pessoas viviam na antiga Sento Sé. Objetos arqueológicos indígenas,itens de couro, utensílios de mesa e cozinha, como bules, canecas e até porcelanas de várias partes do mundo, são alguns deles. Modos de vida, matérias primas, relações comerciais, fauna e flora regionais, tradições culinárias, crenças religiosas, também estão presentes. O projeto inscrito nos Editais do IPAC oferece ainda curso de capacitação para professores, com material didático e folder do museu.

SÉCULO XIX – Localizada no norte da Bahia, a cidade foi fundada na primeira metade do século XIX, em 1832. Na década de 1970, a cidade foi inundada com a construção da Barragem de Sobradinho. A atual está às margens do Rio Francisco. Como outras cidades que submergiram nesse processo de desterritorialização, seus antigos habitantes sofreram um profundo impacto psicológico.  Para a nova cidade, planejada e construída pelo governo federal, distante 62 km do antigo local, foram transpostos os moradores da velha sede a partir de 1976.

Além de coordenar a política museológica, o IPAC detém os mais importantes museus (www.ipac.ba.gov.br/museus). O acesso é gratuito de terça-feira à domingo, sempre à tarde. Juntos, os equipamentos somam mais de 400 atividades a cada mês. Conheça ainda Livros: http://goo.gl/CDv6q3. E os vídeos: educação (https://goo.gl/rJggpk), Balé (https://goo.gl/jZQjJN), Axé (https://goo.gl/34bd1a), Dinamização (https://goo.gl/S4EyRn), Bembé (https://goo.gl/63H8Ve), Boa Morte (https://goo.gl/BawMJJ) e Capoeira (https://goo.gl/wFJdGN). Acesse: www.ipac.ba.gov.br, facebook Ipacba Patrimônio e twitter @ipac_ba.

Assessoria de Comunicação – IPAC, em 05.10.2017

Secretarias em parceria com a Polícia...

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Sento-sé

 ...Militar e Colégios Estaduais promovem o Dia Nacional do Trânsito em Sento-Sé.

sentpNa manhã desta segunda-feira, 25/09, as Secretarias Municipais de Educação, Obras e Saúde em parceria com a Polícia Militar e Colégios Estaduais de Sento-Sé promoveram o Dia Nacional do Trânsito, com Blitz Educativa em pontos estratégicos da cidade.

Durante a semana, nas Escolas Estaduais e no Colégio Municipal Custódio Sento-Sé, os profissionais da Educação, Saúde e Segurança Pública discutiram temas sobre o trânsito, como sinalização, além dos problemas de saúde em decorrência dos acidentes. Já na Blitz Educativa ocorreu a mobilização social para chamar atenção da sociedade e dos alunos.

A Psicóloga, Geisa Castro falou desta ação, “a blitz educativa no Dia do Trânsito foi um marco importante, no sentido de mobilizar socialmente a comunidade para refletir sobre a comunicação entre o pedestre e o condutor de veículos. E as parcerias entre profissionais de Educação, Obras e Polícia Militar foi benéfica. Destaco, porém, a participação dos alunos, trazendo ideais de prevenção e esperança como futuros condutores”, disse Castro.

O Comandante do 3° Pelotão/Sento-Sé da 96º Companhia independente de Polícia Militar do Comando de Policiamento da Região Norte, Tenente Dejanilson Rodrigues Esbaltar, fez uma avaliação muito positiva dessa ação conjunta, ” haja vista a interação entre os órgãos envolvidos e o engajamento dos alunos trouxe resultados positivos, pois conseguimos ver uma melhoria no trânsito, as pessoas estão mais conscientes da importância da educação no tráfico. Com certeza esse ensinamento trabalhado na escola de aula faz toda diferença, devemos continuar esse trabalho nos colégios tanto o tema trânsito como outros referentes a segurança pública”, afirmou Esbaltar.

Tâmara Tárcia/Ascom PMSSE/Foto: Leonardo Costa