Curtas e Boas 27/09

Publicado em Curtas & Boas

Nacional

Lideranças da cúpula do DEM se reuniram com o apresentador Luciano Huck para discutir a possível filiação do global de olho nas eleições de 2018. Entretanto, o apresentador confirmou que participou da reunião, mas negou que tenha discutido sua entrada no partido.

O DEM deverá anunciar em meados do próximo mês a refundação da sigla, com a troca de nome (Mude, Centro ou Centro Democrático são as alternativas) e a apresentação de um novo manifesto. Nesse processo, o partido está em busca de um elenco novo de candidatos para 2018, entre eles, uma candidatura própria para a eleição presidencial. Para disputar uma vaga de deputado federal, um dos novos filiados será Kim Kataguiri, do Movimento Brasil Livre (MBL).

Há quem avalie no DEM que Huck pode vir a ser um “excelente” candidato a vice, caso o partido não tenha candidato próprio. “Mas primeiro precisa convencer o Huck a ser vice”, brincou um dirigente democrata.

Huck confirmou ao GLOBO a reunião com o DEM na semana passada no Rio, mas negou que tenha tratado de filiação com a sigla. “O Luciano segue conversando com todos que queiram trocar ideias de como podem influenciar positivamente o debate eleitoral do ano que vem. Mas, não está filiado e nem discutiu o assunto com ninguém nas últimas semanas”, informou a assessoria de imprensa do apresentador.

Até o momento, não há nada fechado, sobre a filiação de Huck. O prazo de filiações para candidatos no próximo pleito termina em abril. Fonte: Época

...........

Petrolina

Com destaque no grupo de oposição do governador Paulo Câmara (PSB), o senador Armando Monteiro Neto (PTB) aparece como uma opção para a disputa pelo o Governo de Pernambuco, em 2018. Para vice de Armando, o nome indicado seria o do ministro Fernando Filho.

Segundo informações, mesmo com a decisão do PMDB de ter candidato próprio, o mais provável é que o partido componha a chapa majoritária do conjunto oposicionista indicando o candidato a vice-governador. Nos bastidores, já se diz que o senador Fernando Bezerra, que deve assumir as rédeas do PMDB, indicaria o seu filho, o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, para vice de Armando. Fonte: blog do Magno.

.....................

Juazeiro

Através de Audiência Pública e atendendo ao dispositivo constitucional disposto no parágrafo 4°, artigo 9°, da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) de 4 de maio de 2000, o secretário de finanças da Prefeitura de Juazeiro, Gilson Araújo, apresentou, nesta terça-feira (26), na Câmara de Vereadores de Juazeiro, os números do segundo quadrimestre de 2017.

Os vereadores apreciaram os números correspondentes às receitas, despesas do exercício, contratos, que compõem a execução orçamentária. O secretário apresentou as receitas totais, no período de Janeiro a agosto de 2017, com um previsto de R$ 525.000.000,00 e realizado de R$ 342.353.712,87 e as despesas estimadas em R$ 525.000.000,00 e realizado R$ 332.796.658,56.