Curtas & Boas 10/02

Publicado em Curtas & Boas

Um jatinho que transportava o senador Aécio Neves (PSDB-MG) fez um pouso de emergência no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na noite desta quinta-feira, 9. Ninguém se feriu.

 

A aeronave Beechcraft Hawker 800 saiu de Brasília e deveria pousar em Congonhas, mas teve um problema no trem de pouso. Um pedaço do pneu sob a asa esquerda caiu no aeroporto de Brasília, durante a decolagem. O piloto percebeu o problema, solicitou prioridade e pousou com sucesso em São Paulo, pouco depois das 22 horas, informou a GRU Airport, empresa que administra o aeroporto.

 

A assessoria de Aécio informou que o senador estava a bordo da aeronave e não se feriu na aterrissagem. Diz o texto: “O senador Aécio Neves embarcou para São Paulo na noite desta quinta-feira para uma reunião com o ex-presidente FHC. A aeronave de táxi aéreo alugado pelo PSDB precisou fazer pouso de emergência no Aeroporto de Cumbica. Os pilotos e o senador estão bem”.

 

A Líder Táxi Aéreo, proprietária do avião, emitiu uma nota sobre o incidente. O texto: “A empresa informa que, na última quinta-feira, 09, uma aeronave da frota, proveniente de Brasília, com destino a São Paulo, teve uma indicação de pane no trem de pouso. Seguindo todos os protocolos de segurança previstos para esta ocorrência, a tripulação decidiu aterrissar no Aeroporto Internacional de Guarulhos.

 

Após o pouso, a aeronave, já em velocidade reduzida, ultrapassou o limite da pista. Na aeronave, estavam dois tripulantes e dois passageiros. Nenhum deles se feriu. As causas do incidente estão sendo apuradas”.

Curtas & Boas 7/02

Publicado em Curtas & Boas

Curtas & Boas 6/02

Publicado em Curtas & Boas

"Não tem capacidade de gestão, nem conhecimento jurídico", diz Lídice sobre indicação de Moraes para STF

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) disse, nesta segunda-feira (6), que a decisão do presidente Michel Temer de indicar Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal é extremamente equivocada. 

De acordo com a parlamentar baiana, Moraes já demonstrou - com a crise do sistema carcerário - que não possui capacidade de gestão e nem competência. Para Lídice, o atual ministro da Justiça também não tem conhecimento jurídico e nem compromisso com os Direitos Humanos. "É submeter o STF à vergonha de alguém que não tem a mínima condição para participar daquela corte", finalizou. 

Moro é alvo de protestos em universidade de Nova York; manifestantes são vaiados

O Juiz Sérgio Moro, responsável pela maior parte dos processos da Operação Lava Jato na primeira instância, foi alvo de um protesto nesta segunda-feira (6) antes de fazer uma palestra na Universidade Columbia, em Nova York.

Ao se preparar para iniciar a fala, Moro recebeu aplausos do público. Depois que a plateia silenciou, à espera do início da palestra, manifestantes estenderam uma faixa e gritaram palavras de ordem contra o juiz.

Em seguida, o público passou a vaiar os manifestantes – seis deles foram retirados do recinto. Alguns manifestantes com cartazes contra Moro permaneceram, mas em silêncio.

Na palestra, Moro contestou a tese de que a Operação Lava Jato é uma forma de criminalizar a política.

"Ninguém está sendo processado ou condenado com base em suas opiniões políticas. São casos envolvendo propinas. Então, não é similar ao macarthismo, é complemente diferente", disse, ao responder a uma das perguntas da plateia.

Em sua fala, ele ponderou que, como o caso envolve propina a políticos, "inevitavelmente" haverá consequências políticas. "Mas isso acontece fora do tribunal e o juiz não tem controle sobre isso", ressalvou Moro.

"Alguns políticos também dizem que a Operação Lava Jato representa a criminalização da política. Mas para sermos honestos, a culpa não pode ser apontada para o processo judicial, mas para os políticos que cometeram os crimes. O processo judicial é somente uma consequência. O Judiciário não pode ficar cego diante desses crimes", completou em seguida.

Moro também disse que os juízes estão "apenas fazendo seu trabalho", "processando os casos baseados em provas" e que as ações estão sendo conduzidas conforme o "devido processo legal", com respeito aos direitos da defesa.

Relatoria no STF

Durante o debate, Moro também elogiou o ministro Luis Edson Fachin, novo relator da Lava Jato no STF, como um “grande jurista”. “Ele tomou importante decisões, que mostraram que age como um ministro independente”, disse o juiz federal.

Sobre a morte de Teori Zavascki, afirmou que foi um “trágico revés” para a Lava Jato. “Isso foi muito triste, não apenas por causa da tragédia por uma vida humana, mas porque ele era um juiz muito hábil e teve atos de grande independência em suas decisões”, disse.

Instabilidade e economia

Questionado sobre a instabilidade política causada pela operação e seus reflexos na economia do país, Moro disse que a longo prazo os resultados serão benéficos.

“A economia é importante e eu penso que provavelmente a maioria das pessoas concordam que no longo prazo, Brasil vai se tornar um país mais competitivo no mercado. Os custos dos contratos públicos vão ser reduzidos. Essa luta contra a corrupção vai atrair investidores”, afirmou, admitindo a instabilidade no curto prazo.

“Se nós não fizermos nosso trabalho, a coisa certa sobre esses crimes – claro, quando há provas sustentando as acusações – nós vamos perder confiança no estado de direito, na democracia e isso seria danoso para o Brasil”, finalizou.

Fonte:G1

Curtas e Boas 02/02

Publicado em Curtas & Boas

Casa Nova

Tum escreveu: "Hoje recebemos o engenheiro Jorge, servidor do Derba que está cedido para Seinfra e por solicitação do prefeito Wilker do Posto, veio a Casa Nova para fazer a medição das estradas de Pau a Pique e Bem Bom para orçamento e início da licitação desse trecho. #Casa Nova pra frente #Governodamudança."

Alunos de Petrolina receberão gratuitamente carteira de estudante

Os alunos do Ensino Fundamental II e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), matriculados na Rede Municipal de Ensino de Petrolina em 2017, receberão, gratuitamente, a carteira de identificação estudantil. Quase 10 mil estudantes serão beneficiados pela parceria entre a Secretaria de Educação e a União dos Estudantes Secundaristas de Pernambuco (UESP).

A distribuição será uma ação efetiva da Secretaria que, junto aos gestores das unidades escolares, vai viabilizar para que todos os alunos recebam o documento até o final abril, como se comprometeu a UESP. A carteira, que terá validade de um ano, garante a identificação dos estudantes para a meia-entrada em eventos culturais e pode ser utilizado como comprovação para recarga de meia-passagem em transporte urbano.

A reunião com a secretária da Pasta, Maéve Melo, contou a presença do presidente estadual da UESP, Evandro José; da presidente da União dos Estudantes Secundaristas de Petrolina, Larissa Vanessa; e da diretora de entidade, Camila Rique, que destacaram a importância da parceria com o Município. “Esse elo é muito importante para os estudantes e para a luta estudantil. Com essa abertura podemos dialogar os avanços que precisamos”, pontuou Evandro.

Além da parceria para a confecção das carteiras, a Secretaria de Educação e a entidade de representação estudantil firmaram uma mesa permanente de conversas para a realização de atividades, como congressos e festivais. “Sempre fui ligada a representação estudantil. Participei do movimento que lutou e conseguiu meia-passagem em Petrolina e sei da importância da organização dos estudantes. Vamos construir essa ponte com a UESP, ouvindo, dialogando e avançando”, ressaltou Maéve Melo

O governo baiano assinará um novo contrato de empréstimo junto ao Banco Europeu destinado à recuperação de estradas baianas. Somados os dois contratos, um com o Banco Mundial e o outro com o Banco Europeu, os recursos totalizam R$ 1,5 bilhão para a aplicação em 2.732 quilômetros de estradas que serão recuperadas a partir deste ano na Bahia. Uma das obras que serão iniciadas em breve, segundo informação do governador Rui Costa, durante o discurso de abertura dos trabalhos legislativos na Alba, é a duplicação da rodovia que liga Itabuna a Ilhéus. Rui lembrou também do início das obras da Ponte do Pontal, em Ilhéus.

 
Políticas de inclusão social reduziram impacto da crise econômica na Bahia
 
A crise econômica grave do país, na avaliação do governador Rui Costa, também vem afetando a Bahia, mas com muito menos intensidade em razão das políticas sociais implementadas pelo governo federal a partir de 2003, e, a partir de 2007, no estado baiano, com ações orientadas para a inclusão social. No discurso de abertura dos trabalhos legislativos na Assembleia Legislativa, Rui afirmou que essas políticas “foram fundamentais para aliviar o impacto da retração econômica sobre a população baiana”. 
 
A extrema pobreza, em 2001, citou, que representava 20% da população baiana, foi reduzida para apenas 6,4% em 2015. “Isso representou a maior redução em termos absolutos, no Brasil, de pessoas que deixaram as condições de pobreza ou de extrema pobreza somadas”, lembra Rui. O governador defendeu a necessidade de adoção de políticas de redução das desigualdades e melhor distribuição de renda como solução para a crise. Outro indicador apontado por Rui no estado foi a queda da taxa de analfabetismo, que saiu de 22,7% em 2001, caindo para 13% em 2015. “Tenho muito orgulho de dizer que no nosso Estado, mesmo diante da crise, nesses dois últimos anos conseguimos quase que universalizar o ensino, garantindo a frequência escolar de 98,3% dos jovens de 6 a 14 anos”. Leia a mensagem do governador Rui Costa na íntegra: http://bit.ly/2jZlYC8
 
Roberta Arraes participa da solenidade de posse da Mesa Diretora e de reuniões na Alepe
A deputada Roberta Arraes, do PSB, participou ontem (01), da solenidade de posse da Mesa Diretora da Alepe, e de abertura dos trabalhos da casa, que terá como presidente mais uma vez, Guilherme Uchôa, do PDT.
Na ocasião, discursou o Secretário da Casa Civil, Antônio Figueira, o líder do governo Isaltino Nascimento, e o líder da oposição, Silvio Costa Filho.  
Ainda ontem, no final da tarde, Roberta participou do encontro da bancada do governo, onde foi indicado nomes para as presidências das comissões e discutido demais assuntos, como demandas que terão para os próximos dois anos.
"Foi um dia bastante proveitoso, estou empenhada e cada vez mais disposta a somar o meu trabalho aos demais colegas parlamentares, e juntos, alcançarmos conquistas para a nossa população", finalizou a deputada.
               

Curtas & Boas 31/01

Publicado em Curtas & Boas

Casa Nova

Prefeituras baianas terão R$ 300 milhões para terminarem obras da educação. Municípios baianos terão um reforço de R$ 300 milhões para terminar obras na área de educação em 2017. No entanto, o montante será direcionado aos que pelo menos já tem 50% dos trabalhos adiantados. Segundo a Coluna Tempo Presente, do A Tarde, os recursos virão via Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), confirmados pelo presidente do órgão, o baiano Sílvio Pinheiro.

*****

No estado, são 483 obras na situação, 414 de responsabilidade das cidades e 69, do estado. Em relação aos municípios que estão com obras com menos da metade realizada, o fluxo de caixa será menor. Para estes casos, receberá mais recursos quem primeiro executar as obras.

*****

Na Bahia, são 805 obras de educação tocadas pelas prefeituras com recursos do FNDE. A lista inclui construção e ampliação de escolas, creches, quadras poliesportivas, coberturas de quadras.

*****

Tomara que a cidade de Casa Nova seja contemplada com parte dessa verba para terminar as obras, pelo menos das creches, uma delas no Loteamento São Francisco.

*****

Falando em Casa Nova, o novo secretário de saúde disse para Curtas & Boas que as tais reformas feitas pela gestão passada, nas escolas, vão ser preciso ser refeitas considerando que há muitas infiltrações e as empresas responsáveis pelos serviços serão intimadas.

*****

O secretário de educação disse ainda que não está sendo fácil resolver tantos problemas deixados pela gestão passada. É carro sem pneu, sem baterias e pra dificultar ainda mais não foi feita a transição como prevê a Lei. “A vantagem é que temos uma equipe competente”.

*****

O secretário disse ainda que foi instalada uma auditoria para detectar os problemas e tentar resolve-los na medida do possível.

*****

É interessante informar que a mesma auditoria está sendo instalada em todas as secretarias e órgãos da prefeitura. A cobra vai fumar e quem for podre que se quebre!

*****

A secretaria de educação continua fazendo o recadastramento de todos os funcionários. “Os que não comparecerem terão seus salários suspensos”. Avisa o gestor.

Juazeiro

O Jardim São Paulo está entre os 12 bairros contemplados com as obras de drenagem, saneamento e pavimentação do Projeto de Intervenção da Poligonal Urbana que integra o Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2. E dia 27 recebeu a visita do prefeito Paulo Bomfim para um diálogo com os moradores e lideranças comunitárias sobre o início das obras.

*****

"Dentro do projeto a previsão é de que nove ruas do bairro sejam beneficiadas com pavimentação asfáltica. Na próxima semana, a equipe do SAAE e da topografia começam os trabalhos para que possa ser iniciada a execução do corte e terraplanagem das primeiras vias", explicou o gestor das obras do PAC em Juazeiro, Anderson Fonseca.

*****

Para o titular da SEDUR, Anderson Alves, a chegada da pavimentação no Jardim São Paulo é mais um degrau alcançado rumo ao desenvolvimento urbano de Juazeiro. "Nossa missão à frente da secretaria de obras é trabalhar para a melhoria da infraestrutura e do desenvolvimento urbano. A cada frente de serviço de pavimentação iniciada estamos diminuindo o déficit acumulado", destaca o secretário.

*****

Durante a visita o prefeito aproveitou para explicar a obra e tirar dúvidas dos moradores. "Nosso governo tem como mote a mudança e o que nos move é trabalhar para que essa mudança aconteça cada vez mais. Estamos aqui honrando nossa promessa e na próxima semana as obras serão iniciadas no bairro. Já discutimos com a equipe de engenharia e vamos fazer uma passagem sobre o canal Malhada, para ligar o bairro e assim promover mais mobilidade", declarou o prefeito.

Petrolina

Em reunião, o Vereador Paulo Valgueiro, do PMDB, foi aclamado Líder da Oposição na Câmara Municipal de Petrolina, tendo como Vice-Líder a sua colega de bancada, a Vereadora Cristina Costa, do PT.

*****

Paulo Valgueiro e Cristina Costa recebem essa nobre missão de representar a bancada de oposição, comprometendo-se a fazer uma oposição responsável, coerente, com argumentos transparentes, buscando o diálogo sempre que possível, mas endurecendo o discurso quando se deparar com erros e injustiças, pois o povo de Petrolina merece ser respeitado e bem representado na Câmara, que é de fato a casa do povo.

Não restam dúvidas de que essa dupla tem preparo e disposição para os embates que virão ao longo desta legislatura.