Mineira Ana Sátila fatura bronze inédito no Mundial de Canoagem Slalom

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Internacional

20170929154546213808iAna Sátila conquistou, nesta sexta-feira, a medalha de bronze na modalidade C1 (canoa individual) no Mundial de Canoagem Slalom, que está sendo disputado em Pau, na França. A brasileira ficou atrás da britânica Mallory Franklin (ouro) e da checa Tereza Fiserova (prata). É a primeira medalha do Brasil em um Mundial de Canoagem Slalom.

"Estou muito feliz, sem palavras. É um feito inédito, uma medalha no Mundial. Lutei tanto, vim batalhando tanto desde quando comecei com esse sonho de conquistar uma medalha no Mundial. É uma emoção muito grande. Estou feliz por toda a equipe, pelos atletas, por estarem me apoiando, torcendo ao meu lado. Esse espírito de equipe, o que eles fizeram por mim durante toda a competição, é inexplicável", disse Ana Sátila após a prova.

Com apenas 21 anos, a atleta é o principal nome da delegação brasileira no Mundial e considerada um fenômeno na modalidade. Ela já tem duas edições dos Jogos Olímpicos no currículo (Londres'2012 e Rio'2016) e chegou a Pau, na França, embalada por bons resultados ao longo da temporada.

Ana Sátila foi campeã mundial júnior, em 2014, e vice-campeã sub-23, em 2015. Em 2012, com apenas 16 anos, foi a atleta mais jovem da delegação brasileira nos Jogos de Londres.

No sábado, Ana Sátila brigará por mais uma medalha. Ela disputará a semifinal do K1 (caiaque individual) e, se avançar, disputará a decisão no mesmo dia.

 

Foto: Divulgação

Com três gols em três jogos...,

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Internacional

...Felipe valoriza recuperação do Sanfrecce Hiroshima e garante viver melhor momento no Japão.

c3236eb5 8bef 4a9c 9634 ac4753546e71Melhor momento no Japão. Assim o meia Felipe definiu a fase que vive no Sanfrecce Hiroshima. O jogador marcou três vezes nos últimos três jogos e chegou a marca de sete gols na temporada, seu melhor desempenho desde 2012, quando balançou as redes oito vezes.

O atleta vem sendo peça fundamental do clube nessa campanha de recuperação no Campeonato Japonês. A equipe, que saiu da zona de rebaixamento, não perde há cinco rodadas na J-League. “É o meu melhor momento no Sanfrecce, com certeza. Acho que é um crescimento na hora certa da competição, na parte final, decisiva. Os gols estão saindo e fico feliz em poder ajudar a equipe, espero continuar com esse desempenho até o fim da temporada. Independente dos gols, o mais importante é o time jogar bem e sair de campo vitorioso”,  destacou o brasileiro, que possui 29 jogos neste ano.

Confiante na sequência dos bons resultados, Felipe ressalta as mudanças que vem fazendo a diferença dentro e fora de campo. “Tivemos a troca do treinador, que trouxe uma nova filosofia de trabalho e uma motivação diferente. Obviamente não foi só isso que nos fez melhorar, o grupo também entendeu que precisava mudar de atitude e ganhou confiança. Passamos por um período muito ruim mas tivemos capacidade para trabalhar, melhorar e, hoje, estamos colhendo os resultados dessa mudança. Ainda temos muito o que evoluir, mas estamos no caminho certo”, concluiu.

Neste sábado (30), o Sanfrecce enfrenta o Consadole Sapporo, pela 28ª rodada da J-League.

"O Mundo vai se acabar em outubro", diz Cientista

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Internacional

AAsy0K5O numerólogo David Meade, famoso por suas teorias conspiratórias baseadas em relações numéricas de textos bíblicos, acaba de divulgar uma nova data para o fim do mundo: 15 de outubro de 2017. A previsão vem depois de o americano tentar emplacar a ideia de que um misterioso planeta chamado Nibiru, ou Planeta X, colidiria com a Terra no último sábado, extinguindo completamente a humanidade. Como aparentemente nenhum evento apocalíptico ocorreu no nosso planeta, Meade decidiu rever os cálculos e chegou à nova data. A teoria conspiratória é a mesma que ele tentou difundir em 2012 e que, na época, foi desmentida por um cientista da Nasa.

Em seu website, Meade explica que sua previsão original sobre o fim do mundo em 23 de setembro marcava, na verdade, o dia que deu início a uma série de eventos catastróficos que eventualmente levarão à morte da Terra. A “ação real” deve começar só no mês que vem.

“Não deve acontecer nada em setembro”, escreveu ele. “É possível que, no fim de outubro, estejamos prestes a entrar no período de tribulação de sete anos, para ser seguido por um milênio da paz.”

Em 2012, quando Meade tentou convencer a população de que o mundo acabaria em dezembro, o pesquisador David Morrison, do Instituto de Astrobiologia da Nasa, teve de publicar um vídeo em seu canal no YouTube desmentindo a história para acabar com os mais de vinte e-mails semanais que entravam em sua caixa perguntando sobre o Planeta X.

“Se o planeta estivesse tão perto, seria brilhante e facilmente visível a olho nu. Todos nós poderíamos vê-lo. Se Nibiru fosse real e se fosse um planeta com uma massa substancial, ele já perturbaria as órbitas de Marte e da Terra. Veríamos mudanças por causa desse objeto entrando no sistema solar interno”, afirmou na gravação.

Arquivado em: Ciência

correiobraziliense/Foto: Divulgação

Missas podem ganhar sotaques regionais

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Internacional

papa francisco 20170405 piO Vaticano divulgou um importante texto com força de alterar o Código de Direito Canônico. Chamado de motu proprio, quando é criado por iniciativa exclusiva do papa, o documento deu às conferências episcopais (a CNBB no Brasil, por exemplo) a incumbência de adaptar os livros litúrgicos, aqueles usados nas missas, nos casamentos e nos batizados, por exemplo. 

Até então, as conferências basicamente os traduziam. Na prática, as cerimônias católicas poderão adotar uma linguagem mais próxima à realidade do fiel, como a adoção de expressões locais – sem, obviamente, ferir o rito romano. Os textos editados têm ainda de ser enviados para a Santa Sé, mas não serão mais revisados – e, sim, confirmados. A medida é, sem dúvida, modelo de descentralização do poder romano. O motu proprio de Francisco, porém, provoca outro impacto tão ou mais significativo sob ponto histórico: o desestímulo das missas em latim, conhecidas como tridentinas. O rito vinha ganhando fôlego na Santa Sé nos últimos anos.

O motu proprio de Francisco também surge para aplacar as chamadas “guerras litúrgicas”, que ganhou força sobretudo no prelado americano. O termo refere-se a uma série de batalhas internas sobre como o culto católico deveria parecer e soar em inglês. De um lado, os progressistas em favor de textos que refletissem as sensibilidades modernas. De outro, os conservadores que defendiam que a reformulação pós-Vaticano II da liturgia havia cedido demais à modernidade secular e não era mais fiel aos textos originais em latim.

Rádio Vaticano

Mais um terremoto no México

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Internacional

terremotodomingomexicoUm sismo de magnitude 5,9 atingiu o litoral oeste do México neste domingo (24). A informação é do Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico. Segundo o Serviço Sismológico Nacional do país, o terremoto ocorreu a 99 quilômetros do município de Tonala, no estado de Chiapas. 
 
Este foi o terceiro terremoto sofrido pelo México em cinco dias. Na última terça-feira (19), um sismo de categoria 7,1 causou a morte de mais de 300 pessoas na capital do país. No sábado (23), a região central e sul passou pelo problema após terremoto de magnitude 6,4 graus na escala Richter - a cidade atingida foi Ixtepec, no estado de Oaxaca.

 

 

Fonte: NMB