Digaí, Governador desta terça-feira

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

Ações do Estado impulsionam desenvolvimento no sul da Bahia

 
Digaí Governador 10 11O programa Digaí, Governador! desta semana destaca várias ações do governo estadual para impulsionar o desenvolvimento na região sul da Bahia. “... [este] é um momento importante. Hoje eu estou aqui dando ordem de serviço [para] as obras do Hospital da Costa do Cacau [em Ilhéus], um equipamento moderno do tamanho que essa cidade merece”, enfatiza o governador Rui Costa, que esteve na segunda-feira (11) nesse município e em Itabuna.

Esta edição do Digaí, Governador! foi gravada diretamente da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), no município de Itabuna, onde Rui participou da inauguração das novas instalações no Campus Jorge Amado da instituição.

“Aqui na região sul do estado nós temos projetos estruturantes como a ferrovia [de Integração Oeste Leste e] o Porto Sul”, ressalta o governador. O programa também aborda assuntos como a retomada da produção cacaueira na região, o Metrô de Salvador e viagens, no decorrer da semana, para entrega de obras e serviços – Rui também irá a Brasília nesta terça (10).

Saúde
Ao falar do Hospital da Costa do Cacau, Rui afirma que a unidade é para atender a toda região, não só aos moradores de Ilhéus. “... é um hospital regional e, junto com o hospital, nós vamos ter outro equipamento, a nossa policlínica, que é um consórcio de saúde”.

O governador diz que “hoje [esta segunda] eu pedi pela manhã para os prefeitos acelerarem o processo de aprovação [do consórcio] na Câmara de Vereadores para que eu possa assinar... Portanto, são dois equipamentos que vão qualificar o atendimento aqui, garantindo a saúde pública de qualidade no sul da Bahia”.

Itabuna
Na cidade de Itabuna, Rui assinou ordem de serviço para o início das obras da Barragem do Rio Colônia. De acordo com ele, a obra chegou a ser iniciada no governo Jaques Wagner, porém a empresa, com poucos meses após o início da construção, abandonou as obras. “Felizmente [...] uma [nova] empresa vai cumprir o contrato e hoje se inicia a obra dessa importante barragem, que vai resolver o problema de abastecimento de água em Itabuna, além, evidente, de prevenir eventuais enchentes do rio”.

Produção cacaueira
Outro assunto abordado é a retomada da produção de cacau no sul da Bahia. “Eu estou muito orgulhoso, muito feliz, de perceber e de constatar, em ver a imprensa nacional reconhecer, o esforço de todas as pessoas aqui da região, que têm trabalhado [...] para retomar a produção do cacau [... e de] toda a cadeia produtiva”. 

A idéia, como ressalta Rui, “é beneficiar, é produzir chocolate de alta qualidade para ocupar os principais mercados no mundo inteiro, deixando aqui na região um valor agregado muito maior. É como hoje o prefeito Jabes (Ribeiro, prefeito de Ilhéus) falava: uma saca de amêndoa de cacau é vendida por R$ 600. Um chocolate fino, na mesma proporção, [é vendido] por R$ 10 mil”. 

Como explica o governador, o beneficiamento do cacau significa “mais riqueza e mais emprego na região, e esse é o nosso trabalho, e isso se soma a todos os projetos, eu diria, estruturados, que nós estamos fazendo aqui, da ferrovia, do porto, do novo aeroporto que vamos construir”. Ainda quanto ao desenvolvimento do sul baiano, Rui cita a consolidação da segunda universidade (a UFSB) na região – a primeira é a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).

Estação da Bonocô
Em relação ao Metrô de Salvador, o governador confirma a inauguração da Estação da Bonocô, na próxima sexta-feira (13), às 9h, com a presença do ministro das Cidades das Cidades, Gilberto Kassab. “Sexta-feira é dia de festa, eu diria não só para Salvador, mas para toda [a] região metropolitana e, porque não dizer, para a Bahia. [...].o baiano, mesmo aquele que não mora em Salvador, fica orgulhoso de ver a sua capital com um metrô moderno e funcionando”. 

Viagens nesta semana
Nesta terça (10), o governador estará em Brasília, com o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, para tratar de assuntos como o Polo Industrial de Camaçari, o preço da nafta e a necessidade da Petrobras chegar a um acordo com as empresas para o fornecimento da nafta “para que possamos atrair novas empresas para a Bahia e consolidar os investimentos. Tudo que nós precisamos, nesse momento, é mais investimento, mais geração de emprego e melhoria da qualidade de vida das pessoas”. 

No sábado (14), Rui irá a Bom Jesus da Lapa, no Vale do São Francisco, onde entrega o Distrito Integrado de Segurança Pública. “[É um] equipamento importante porque reúne, em um módulo, a Polícia Militar e, no outro módulo, a Policia Civil, lado a lado trabalhando pela segurança pública”. 

O programa Digaí, Governador! é produzido pela Secretaria de Comunicação Social (Secom), veiculado pela Rádio Educadora FM 107,5 MHz e reproduzido por vários veículos de comunicação. Está disponível na internet, pelo telefone 0800-071-7328, e no blog Digaí, Governador!, na página da Secom.



Secom/Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Campanha Papai Noel dos Correios será lançada...

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

Campanha Papai Noel dos Correios será lançada amanhã

downloadO lançamento da Campanha Papai Noel dos Correios 2015 será feito amanhã (10) em todo o Brasil. Na Diretoria Regional da Bahia, a cerimônia será realizada em Salvador, às 10h, na agência Pituba, situada na Av. Paulo VI, 190. Durante a programação haverá a apresentação do coral Art’Canto, o lançamento de dois selos em homenagem ao Natal 2015, Abraço e Presente, com a participação do diretor regional e do Papai Noel dos Correios. O lançamento em nível nacional será realizado na Diretoria Regional dos Correios do Rio de Janeiro (RJ), às 14h. 

Realizada há 26 anos, a campanha tem como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Nos últimos três anos, em todo o País, foram recebidos 2,9 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios. Desse total, 1,9 milhão atendia aos critérios da campanha e quase 80% delas foram adotadas, o que equivale a 1,5 milhão de cartas. Na Bahia, somente no ano passado, foram recebidas 27.754 recebidas, das quais, 16.010 foram adotadas.

Desde 2010, os Correios estabeleceram parcerias com escolas públicas, creches e abrigos que atendem crianças em situação de vulnerabilidade social. A finalidade é vincular a Campanha ao Objetivo de Desenvolvimento do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), que trata da educação.

Padrinhos

Disseminar o encantamento natalino por meio da campanha só é possível com a ajuda dos mais de 120 mil empregados dos Correios e da sociedade brasileira, que podem participar atuando como padrinhos. Os padrinhos são aqueles que adotam as cartinhas, providenciando os presentes solicitados pelas crianças.

Como funciona

A adoção de cartas da campanha é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas para adoção em determinadas unidades da empresa. Aqui na Bahia, como vem acontecendo nos últimos anos, a campanha também será realizada no interior. Além de Salvador, participam da campanha, as cidades de Barreiras, Juazeiro e Itaberaba. 

Os Correios não entregam cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados pela empresalistados no blog da campanha.

Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos nos pontos divulgados pelos Correiospara que posteriormente a entrega seja feita pelos carteiros. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho.

A data limite para adoção das cartas é 10 de dezembro e, para entrega dos presentes, 11 de dezembro. As demais informações oficiais sobre o Papai Noel dos Correios podem ser obtidas no blog da campanha (http://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios), a partir do dia 10/11, ou pelos telefones 3003 0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades).

Serviço

Lançamento da Campanha Papai Noel dos Correios na Bahia

Local: agência Pituba - Diretoria Regional dos Correios na Bahia

Avenida Paulo VI, 190 - Pituba.

Data: 10/11/2015

Horário: 10h

Desligue a Globo, que o Brasil melhora

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

0 blog Zé Carlos Borges PAULO HENRIQUE AMORIMCidadão Baiano desde a manhã desta sexta-feira (6), o jornalista carioca Paulo Henrique Amorim tem um receita caseira para quem já está cansado de ouvir falar em crise. “Desligue a Globo, que o Brasil melhora”, sugeriu Amorim, pouco antes de receber a honraria, em sessão especial na Assembleia Legislativa da Bahia, por iniciativa do deputado Zé Neto, do PT. Entre os anos 1980 e 1990, Paulo Henrique Amorim integrou os quadros do jornalismo da Rede Globo, primeiro como repórter do Jornal Nacional e depois como chefe do escritório da emissora em Nova Iorque. 
Atualmente, apresenta o programa Domingo Espetacular, na rede Record, e assina o site noticioso Conversa Afiada. Sempre com a língua afiada, o jornalista disse que a crise política é passageira e observou que todas as armadilhas montadas por aqueles que ainda não aceitam o resultado das eleições presidenciais de 2014 estão sendo paulatinamente desmontadas. 
Para o desmonte, ele disse confiar “na habilidade desse político baiano que se chama Jaques Wagner”, o chefe da Casa Civil da presidente Dilma Rousseff e principal negociador do Governo com os políticos e os partidos da base aliada. Perguntado por um repórter sobre as chances de o presidente a Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), escapar da cassação do mandato, Paulo Henrique Amorim foi outra vez curto e afiado: “Ele será preso”.
 
Foto: Divulgação

Vitor Belfort atropela Henderson no 1º round

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

Vitor Belfort atropela Henderson e fecha trilogia com vitória no 1º round
 
rib0087 1Peso-médio faz 2 a 1 no confronto com americano com um chute de esquerda na cabeça, e faz discurso contra a corrupção no octógono: "É o momento de mudança"
Vitor Belfort mostrou, neste sábado, no UFC São Paulo, sediado no Ginásio do Ibirapuera, que, apesar dos 38 anos, conserva a potência e a precisão dos golpes que o fizeram ser apelidado de "Fenômeno". Ele deu sinais de que a derrota para Chris Weidman, em maio, não o abalou e deu a volta por cima no octógono em grande estilo ao nocautear Dan Henderson aos 2m07s do primeiro round do duelo principal do evento. O anfitrião anotou 2 a 1 no histórico de confrontos com o oponente, fechando a trilogia de maneira magistral.
Sob o tradicional grito de "Uh! Vai morrer!", Vitor Belfort e Dan Henderson começaram cautelosos, passando mais de dois minutos apenas se estudando. Quando o brasileiro decidiu exibir seu arsenal, no entanto, precisou de poucos segundos para reforçar que ainda está dentre os melhores do peso-médio. Com um chute alto, que explodiu na cabeça de "Hendo", o "Fenômeno" abriu caminho para a vitória e, após castigar o oponente no chão, faturou o nocaute.
- Quero agradecer ao povo brasileiro que ficou acordado até de madrugada para me apoiar, no meio desta crise, com esse governo corrupto que precisa acabar. Fora governo corrupto! Consciência, Brasil! A consciência de vocês tem que estar bem atenta agora, porque é o momento de mudança. Estou aqui para provar isso: você às vezes cai, mas cai de cabeça para cima, e a gente se levanta - discursou Belfort após a luta.
Após a derrota para Chris Weidman, Belfort retoma os holofotes da categoria com uma apresentação convincente e avassaladora, assinalando o 25 triunfo de sua longa carreira no MMA. Henderson, por sua vez, vai se aproximando da aposentadoria. O americano, de 45 anos, perdeu três de suas últimas cinco lutas na organização, retrospecto aquém de sua história no esporte.
Henderson reclamou um pouco quando a luta foi encerrada, mas não culpou Mário Yamasaki.
- Ele obviamente me pegou com um bom chute. Eu entrei direito no golpe. O Mário está ali para nos proteger. Eu estava consciente de tudo, mas posso entender. Eu estou decepcionado comigo mesmo, pois estava indo na estratégia correta, mas ele me atingiu - disse o americano.
 
Por Marcelo Russio e Marcelo Barone/Foto: Divulgação

Pinheiro defende crescimento do pais/2015

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

Pinheiro foto pt SenadoO senador Walter Pinheiro (PT/BA) defendeu em pronunciamento, quinta-feira (05), que o Legislativo mantenha o foco, ainda neste ano de 2015, em pautas que possam promover o crescimento do País. Ele elencou pautas que podem ser consideradas como alternativa, neste momento de crise, como a MP 691/2015, que autoriza e regulamenta a venda de imóveis e terrenos da União.

"Primeiro, a partir da arrecadação com esses imóveis, ou com esses terrenos, digamos assim, de forma muito mais enfática, e até com o processo de utilização, em permuta, desses patrimônios espalhados pelo Brasil inteiro, como forma de o governo obter recursos. Isso vale mais do que uma CPMF. Portanto, sem aumentar a carga tributária.Este é o momento em que precisamos desse movimento, até para resolver dois problemas: um, da União, do seu caixa; e outro, nos nossos Estados e Municípios", ressaltou.

Para o senador, o Congresso e o Executivo não podem deixar para o ano de 2016 a apreciação de pautas propositivas para incrementar investimentos e o desenvolvimento regional. Outro ponto importante, disse ainda Pinheiro, seria promover uma modificação na estrutura econômica para permitir mais investimentos. Ele disse que o Brasil chega ao fim do ano com a sensação de que pouco foi feito. "E olha que nós estamos insistindo e demos uma contribuição enorme para o Governo com a Comissão do Pacto Federativo. Aprovamos um bocado de matérias. Agora o Governo precisa funcionar, precisa pegar isso e botar para rodar", apontou.

Ainda de acordo com o senador, o tempo de fazer ajustes já passou. "Não pode [o governo] ficar num tema de uma nota só: ajuste ajuste, ajuste, ajuste, ajuste. Já ajustou demais, não tem mais cintura para botar esse cinto. Já apertou, apertou, apertou. Acabou. Então, agora é: vamos lá botar para funcionar", ressaltou. O senador discorreu também sobre encontro entre o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, com um grupo de senadores e disse estar confiante com a retomada dessas pautas com o novo interlocutor do Governo.

"Esse esforço, que é de todos nós, estamos buscando, tanto é que fizemos a conversa. Havia Senadores de diversos partidos, inclusive a oposição. Conversamos com o Ministro, ouvi lá atentamente o pronunciamento, por exemplo, do Senador Lasier [Martins (PDT-RS)], dizendo 'vamos lá, tentar construir'. Todo mundo se esforçando. Mas é preciso ter uma coisa que afirmei naquela reunião: o Governo também precisa querer ser ajudado, se permitir a isso, interagir. Mas é necessário que a gente aproveite daquela reunião e diga assim: 'Está bom, qual é o próximo passo?' Porque eu participei de várias reuniões, inclusive com Joaquim Levy na Presidência [do Senado]. Apresentamos a ele quatro pontos para que a gente pudesse tocar essa questão central, quatro, e não quarenta, como muita gente ficava dizendo que era Pauta Brasil. Quatro pontos, dentre eles essa questão do investimento", relatou.

Pinheiro encerrou afirmando que o momento é de atitude e que manterá seu foco no trabalho para melhorias sociais e econômicas do País. " Chegou a hora de fazer. Não dá mais para ficarmos sempre apontando o que vamos cortar. Onde é que vamos apostar, onde o Governo pode aportar para voltarmos a crescer e a respirar".

Ascom/Senador Walter Pinheiro