Alex da Piatã foi eleito Destaque Parlamentar da ALBA

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

thumbnail alex da piatã recebe destaqueAlex da Piatã é pela terceira vez consecutiva Destaque Parlamentar na Assembleia Legislativa Bahia

Mais uma vez, agora pela terceira vez consecutiva, os jornalistas que cobrem o dia a dia da Assembleia Legislativa da Bahia elegeram o deputado Alex da Piatã (PSD) como Destaque Parlamentar. A eleição ocorreu nesta terça-feira (28).

Quando soube do resultado o pessedista comemorou e agradeceu. “Isso é sinal que o nosso mandato está no caminho certo. Temos buscado lutar pelo bem do povo da Bahia, principalmente na nossa atuação na Comissão da Saúde na qual sou presidente. Agradeço aos jornalistas pelo destaque e isso só aumenta nossa responsabilidade como legislador”, disse.

O pessedista recebeu o prêmio nos anos de 2015 e 2016 e agora receberá em 2017. A cerimônia de entrega será no próximo dia 12, organizada pelo Comitê de Imprensa da ALBA.

 

Ascom

Mais de 3 mil estudantes participam do encerramento do Proerd na Concha Acústica

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

ManuDiasGOVBA8A cerimônia de encerramento do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), da Polícia Militar da Bahia (PMBA), foi realizada, na tarde desta terça-feira (28), em clima de festa e descontração, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador. O evento contou com a presença do governador Rui Costa, entre outras autoridades, e reuniu mais de três mil jovens que  participaram do programa. A partir de agora, eles são considerados multiplicadores da cultura da paz e da vida saudável, sem o uso de drogas.

O Proerd é realizado em 46 escolas públicas e particulares da capital e região metropolitana, além do Colégio da Polícia Militar, tendo por finalidade o combate ao uso de drogas e à violência entre crianças e pré-adolescentes. Participam do programa alunos do 5º ao 7º ano, com idades entre 9 e 12 anos, que têm aulas com policiais militares treinados para discutir o tema. Na ocasião, as melhores redações produzidas pelos estudantes foram premiadas em reconhecimento pelo bom aproveitamento das informações e conhecimentos compartilhados em sala de aula.

O governador Rui Costa parabenizou “toda a equipe da PM, os jovens e pais de alunos, além de agradecer a imprensa, especialmente “TVs,  rádios e blogs” pela mobilização para vencer a cultura da violência. “O que nós precisamos é disso, uma grande mobilização de toda a sociedade. Isso não pode ser, nem será, apenas com a mobilização do Estado. A ação do Estado é importante, a iniciativa das polícias Civil e Militar, mas é preciso a mobilização de todos, dos jovens, da família, pregando e cultivando arte, educação e a cultura da paz”.

Por isso, segundo Rui, a formatura do Proerd é um momento especial. “Juntar mais de três mil jovens, encher uma Concha Acústica e dizer – o melhor caminho é a paz, o melhor caminho é o esporte”. O governador aproveitou para informar sobre a publicação da licitação para criação de vilas olímpicas em batalhões da PM. Serão espaços para prática esportivas olímpicas, com várias modalidades, "para que, cada vez mais, haja uma aproximação da polícia com a sociedade e da sociedade com a polícia, e essa iniciativa possa estimular a  nossa juventude a praticar mais esporte, arte, cultura, e  isso impactar na melhoria da qualidade da educação”.

Parceria

O sucesso do projeto é atribuído a parceria entre a PM, a escola  e a família, que, segundo o tenente-coronel César, coordenador do programa, é essencial. “O envolvimento desse tripé, família/escola/polícia, é fundamental, pois se um deles falhar, o nosso trabalho estará fadado ao insucesso. Buscamos a participação desses três elementos para garantir uma geração sadia e longe das drogas”.

Neste ano, 75 mil jovens foram capacitados e o Proerd alcança a marca de 500 mil formandos, desde a sua implantação, em 2003. A partir de agora, os 3.178 jovens que receberam os certificados na cerimônia desta terça-feira são considerados multiplicadores da cultura da paz e da vida saudável, sem o uso de drogas.

A expectativa é que o programa possa ser ampliado e a cultura da não violência e ao uso de drogas seja disseminada para um número maior de alunos em 2018.  O evento realizado na Concha Acústica contou com a animação do Tio Paulinho, do Grupo de Teatro da Polícia Militar e do músico Tatau.


Foto: Manu Dias/GOVBA

Secom  

Marinha realizará XXI travessia natatória Almirante Tamandaré

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

MARINHA DO BRASIL - AGÊNCIA FLUVIAL DE JUAZEIRO

marinha do brasilA Agência Fluvial de Juazeiro vem divulgar através deste release a realização da XXI Travessia Natatória Almirante Tamandaré. A travessia em lide é um evento comemorativo do calendário da semana da Marinha do Brasil, realizado sempre no mês de dezembro, em alusão ao Patrono da Marinha do Brasil: o Almirante Marquês de Tamandaré e ao dia do marinheiro (treze de dezembro). O evento esportivo tem como objetivo congregar os esportistas de diversas idades, valorizando a prática do esporte amador na região do Vale do São Francisco, despertando o interesse por atividades que favoreçam o desenvolvimento físico, mental e social do indivíduo.

Esta tradicional travessia será realizada pela Agência Fluvial de Juazeiro, em parceria com a Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte (SECULTE) da Prefeitura Municipal de Juazeiro e a Sociedade Amigos da Marinha (SOAMAR).

A prova ocorrerá no dia 09 de dezembro de 2017, com largada prevista para as 14:00 h (catorze horas), e será constituída de um percurso de 2,2 km, com largada na Prainha, próximo a esta Agência Fluvial, transcurso das boias delimitadoras do circuito e chegada na orla nova de Juazeiro, próximo ao busto do Almirante Tamandaré (Vapor Saldanha Marinho).

Poderão participar do evento, atletas de natação de todo o Vale do São Francisco, com idades acima de 10 anos, previamente inscritos, desde que obedeçam aos critérios preestabelecidos pela organização. As inscrições deverão ser realizadas na Agência Fluvial de Juazeiro, situada na Rua José Petitinga, nº 606, Bairro Santo Antônio, mediante apresentação de documento com foto e a doação de um quilo (01 kg) de alimento não perecível, o qual posteriormente será doado para alguma instituição de caridade de nossa cidade. Os atletas com idade inferior a 18 anos poderão se inscrever mediante autorização dos responsáveis, devidamente corroborada pelo preenchimento de campo próprio constante na ficha de inscrição e respectiva assinatura do responsável.

Serão premiados com Troféus os três primeiros colocados de cada categoria. Todos os atletas que concluírem o percurso receberão uma medalha de participação.

Por oportuno, este Agente da Autoridade Marítima agradece a atenção recebida e coloca-se a inteira disposição para sanar dúvidas e prestar quaisquer esclarecimentos adicionais que se façam necessários, através do telefone (74) 3211-8800.

Juazeiro-BA, em 27 de novembro de 2017.

SILVIO MIRANDA PINTO JÚNIOR

Capitão-Tenente

Agente

Moro diz que não se arrepende de ter divulgado conversa entre Dilma e Lula

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

20171127160312147764iO juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, afirmou nesta segunda-feira (27) que não se arrepende de ter divulgado o áudio de uma conversa entre a ex-presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A gravação, divulgada em março do ano passado, levantou polêmica por envolver a então presidente da República.
O magistrado fez as declarações no fórum Amarelas ao Vivo, da revista Veja, do Grupo Abril. “Não me arrependo de forma nenhuma, embora tenha ficado consternado com a celeuma que a divulgação causou. Na minha opinião eu fiz o que a lei exigia e o que eu achei que era necessário”, destacou Sérgio Moro. 
As gravações ocorreram assim que Dilma anunciou Lula como ministro chefe da Casa Civil. O magistrado levantou o sigilo do processo, inclusive da gravação em que Dilma dizia para Lula que estava lhe enviando "o termo de posse". Ele foi impedido de assumir o cargo pela Justiça e logo depois o impeachment de Dilma foi aprovado no Congresso. O caso também rendeu acusações de tentativa de obstrução de Justiça, já que na ocasião havia a iminência de um mandado de prisão ser cumprido contra Lula e empossado como ministro, a ordem não poderia ser cumprida.
O ministro Teori Zavascki, então relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), já falecido, anulou a gravação durante o processo. No entanto, o ministro Edson Fachin, que substituiu Zavascki entendeu que o juiz "Sérgio Moro não usurpou as competências do STF ao retirar o sigilo da gravação", pois o foco era recolher provas contra pessoas que não possuem foro privilegiado, e não tinha autoridades como alvo. 
 
Fotos divulgação

Luciano Huck: 'Não vou ser candidato a presidente'.

Escrito por Luiz Washington . Publicado em Nacional

20171127090111529743aLuciano Huck descartou oficialmente as possibilidades de se candidatar à presidência da república nas eleições de 2018. Em texto publicado no jornal Folha de S.Paulo nesta segunda-feira (2711), o apresentador do Caldeirão disse acreditar que pode fazer mais ocupando outras posições no "front nacional" e que seus familiares são unânimes ao afirmar que "é fundamental o movimento de sair da proteção e do conforto das selfies no Instagram para somar forças na necessária renovação política brasileira". 
"Vendo meu nome apontado, é muito importante frisar sempre, sem ter levantado a mão ou me oferecido para concorrer ao cargo mais importante na governança do país, minha reação natural foi tentar entender melhor do que se tratava. Gosto de aprender, de saber o que não sei e penso que cultivo um bom hábito desde muito cedo: tentar descobrir e encontrar quem sabe", escreveu ele. 
"Acho também que sou meio obsessivo por fazer as coisas direito. Por isso, saí buscando e principalmente ouvindo dezenas de pessoas que admiro, que considero inteligentes, sensíveis, maduras e capacitadas, para que elas compartilhassem comigo suas visões. Foram meses que produziram em mim uma pequena revolução, um aprendizado enorme", completou o global, que apoiou Aécio Neves (PSDB) nas eleições de 2014 e foi favorável ao impeachment de Dilma Rousseff (PT) no ano passado
 
Luciano pontua que a sua geração está se destacando no campo das artes, do esportes e dos negócios, mas pouco faz pela "renovação" política. "Sigo acreditando que o melhor caminho passa obrigatoriamente pelos movimentos cívicos, pela abertura de espaço na mídia para novas lideranças, por uma escuta dos anseios das pessoas, por reformas estruturais, muitas delas doloridas, por políticas públicas afetivas e efetivas, por políticas econômicas modernas e eficazes, pela educação levada a sério, pela saúde tratada com respeito, por tecnologia que alavanque as boas ideias e pela total transparência dos gastos públicos. Por menos politicagem e por mais e melhor representatividade. A lista é grande". 
"Com a mesma certeza de que neste momento não vou pleitear espaço nesta eleição para a Presidência da República, quero registrar que vou continuar, modesta e firmemente, tentando contribuir de maneira ativa para melhorar o país. Vou bem além da voz amplificada enormemente pela televisão que amo fazer, do eco monumental das redes sociais que aprendi a tecer, do instituto que fundei há quase 15 anos e de todos os meios que o carinho das pessoas me proporcionou"
E conclui: hora é de trabalhar por soluções coletivas inteligentes e inovadoras para o país, e não de focar o próprio umbigo ou de alimentar polêmicas pueris e gritas sem sentido. Quem se interessa pelo que sou e faço pode acreditar: vou atuar cada vez mais, sempre de acordo com minhas crenças, em especial com a fé enorme que tenho neste país. Contem comigo. Mas não como candidato a presidente".
 
Diário de Pernambuco