Lideranças declaram apoio a Marcos Palmeira

Postado por Luiz Washington . Publicado em Remanso

Renatinho Marcos Marechal e FlavioNa noite desta quarta-feira (17/08) a formalização do apoio do ex-vereador Renatinho, Renato Oliveira de Souza, à candidatura de Marcos Palmeira (PC do B), programada inicialmente como uma visita à sua casa, localizada na quadra 12, transformou-se, com a presença de centenas de pessoas, em um ato público ocupando boa parte da rua, com música e muita alegria.

“Não foi nada programado” – disse Renatinho – “Só tenho a agradecer a presença de todos os meus amigos, que trouxeram apoio à esta decisão. Ficar ao lado de Marcos Palmeira foi a decisão mais acertada”.

Abraçado, festejado e rodeado de pessoas da Vila Aparecida, onde tem sua base política, Renatinho, foi saudado por Marcos Palmeira “como uma liderança que vai contribuir para mudarmos a política de Remanso. Nosso povo já está cansado destes que se utilizam da prefeitura em benefício próprio, que estão há mais de dez anos no poder, que enganam e mentem, que se sentem donos de Remanso” e arrematou: “Eles não são donos de nossa cidade, quem manda é o Povo e é com o Povo que vamos governar. Bem-vindo Renatinho, aqui você será tratado com o respeito que merece”.

Ascom

Associações levam propostas paraa Marcos Palmeira

Postado por Luiz Washington . Publicado em Remanso

Plenária rural com MarcosPela primeira vez em Remanso, associações do interior do município se reuniram e, em conjunto, apresentaram reivindicações a um candidato a prefeito.

Divididas em Saúde, Educação, Infraestrutura e Segurança, a lista abrange reivindicações gerais, como a melhoria das estradas “completamente abandonadas e esquecidas”, passando pela reabertura das escolas fechadas, fim de obras iniciadas em governos anteriores, apoio à produção, instalação de poços, até a retirada de um lixão, que é queimado provocando fumaça tóxica nos moradores.

“Diferente de tudo que já vimos” – Diz o Presidente do PC do B, Vavá Costa, entusiasta da participação popular na gestão municipal – “Marcos mostra a sua disposição ao diálogo, porque esta é uma política do PC do B”.

Presidentes e dirigentes de associações, como APRUJATAR, Vila Aparecida, Lagoa dos Camilos, Lages e Arredores, Pé de Juá, Maravilha, Assentamento Canaã, Lagoa D’Água e Arredores, Tubarão e Arredores, Sítio Aroeira, Vazante do Polaco e Roça Nova, além de mais duas dezenas de associações, seguiram atentamente os pronunciamentos.

Flávio da UNIFAN, vice-prefeito na chapa de Marcos, reforçou o compromisso de, junto com a Universidade, trabalhar para a melhoria da qualidade de ensino em todo o interior, comprometeu-se com a busca de recursos para novas obras e atendimento especial ao homem do campo.

Marcos Palmeira, reforçou o compromisso com o interior: “Dizem que só faço campanha no interior, faço também na cidade, mas o comércio de Remanso é pujante na segunda, quarta e sexta, quando o homem do interior está na cidade; nossa economia anda quando o homem do campo produz. Tudo depende do interior”.

Na plenária, com mais de 100 representantes, vereador Manoel Oliveira e duas dezenas de candidatos a vereador, foi aprovado o documento inicial, acrescido de novas demandas e que passa a fazer parte “não apenas do programa de governo, mas como roteiro de nossa ação à frente da prefeitura” – diz Marcos Palmeira.

Ascom

Zé Filho zomba da Lei e começa campanha

Postado por Luiz Washington . Publicado em Remanso

A turma do Ze1Nem bem o prazo para registro das candidaturas começa a correr e Zé Filho, que pretende ser candidato a prefeito em Remanso pelo PSD, DEM e PT, confiado na impunidade, afronta a Lei e coloca três carros de som nas ruas em campanha antecipada.

Com um texto agressivo e desafiador (“disposição de luta”, “guerreiro”), a propaganda eleitoral antecipada do candidato, objetiva, como fez nas campanhas anteriores, “demonstrar aos adversários que pode tudo e nada lhe acontece” – anota Valnei Oliveira Costa (Vavá Costa – presidente do PC do B em Remanso) e adverte – “Mas, desta vez ele vai encontrar de nosso lado disposição para levar à Justiça todos seus malfeitos e pedir punição”.

A representação, protocolada na tarde desta quarta-feira (10/08), “a primeira de muitas, porque ele é useiro e vezeiro no desrespeito à Lei”, invoca a Lei 9504/97, a Lei das Eleições e a Resolução 23.457/2015, que proíbe a pré-candidatos e candidatos veicular propaganda antes dos prazos determinados. 

“Zé Filho conta com o beneplácito de alguns órgãos locais de comunicação, mas não satisfeito, colocou três carros de som nas ruas, em um feriado, rodando por horas a fio em todos os bairros da cidade” – Explica Vavá Costa – “A Lei é clara: propaganda eleitoral antecipada é proibida. Ele sabe disso, ele tem um corpo de advogados que sabem disso, tem a estrutura jurídica da prefeitura, mas fez isso de caso pensado para mostrar aos seus que pode tudo”.

Um analista da política de Remanso resume a situação de Zé Filho: “Durante quase um mês ele conheceu uma realidade diferente. Foi a ameaça, concreta, de não ser candidato por suas ilegalidades nas prestações de contas; foi a disputa interna entre seus seguidores para assumirem a candidatura em seu lugar, que chegou às vias de fato e o fiasco de sua convenção. Ele tinha de mostrar força. Colocou os carros de som na rua de caso pensado. Mostra que é forte e atinge dois objetivos ao mesmo tempo: faz propaganda, proibida à Marcos Palmeira e reagrupa os seguidores.”.

Vavá Costa concorda com a análise: “Zé está acostumado a coagir, impor sob ameaça. Percebeu que tudo estava fugindo ao seu controle e como mostrar força? Contra a Lei, para mostrar que nada lhe acontece”.

ASCOM PC do B 
Remanso

Zé Filho pode sim, ser candidato.

Postado por Luiz Washington . Publicado em Remanso

thumbsDurante toda a pré-campanha Zé Filho e sua coligação foram atacados por seus adversários políticos que insistiam que o mesmo não seria candidato tentando enfraquecer as bases de sua candidatura. A alegação de que em 2008 o parecer do TCM recomendava a rejeição das contas de Zé Filho seria o trunfo dos opositores para propagar aos quatro cantos da cidade que o mesmo estava inelegível.

Na tarde dessa quarta-feira (10) de agosto uma decisão do Supremo Tribunal Federal decidiu que compete a Câmara Municipal julgar as contas do prefeito e ao Tribunal de Contas cabe apenas atuar como órgão auxiliar, emitindo parecer prévio e que esse parecer só deixará de prevalecer por decisão de dois terços dos membros da Câmara de Vereadores, no caso as Contas de José Clementino de Carvalho Filho foram aprovadas por unanimidade pelos vereadores de Remanso. Com essa decisão o STF esclareceu a dúvida criada, ZÉ FILHO é candidato.

“Acabou o discurso da Mentira, agora quero ver o que eles vão inventar sobre nossa campanha, eu conheço seu jogo rasteiro e sujo tentando enganar o povo da nossa querida Remanso” desabafou Zé Filho em sua rede social, ao tempo em que comemorava a decisão e convocava sua militância para a luta.

 

Por Mara Cristina/Foto: Divulgação

Adolfo Viana dedica moção a Remanso

Postado por Luiz Washington . Publicado em Remanso

Adolfo Viana dedica moção a Remanso

Adolfo VianaO deputado estadual Adolfo Viana (PSDB) apresentou, na Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, moção de congratulações em que homenageia o município de Remanso pela passagem dos seus 116 anos de emancipação política.

Elevado a condição de cidade em 9 de agosto de 1900, Remanso, localizado na Mesorregião do Vale do São Francisco, com distância aproximada de 720 km da capital baiana, tem sua história originada no começo do século XVII quando o território integrava a sesmaria Conde da Ponte, e com a fertilidade do solo e a pesca do local, já no final do século foi formado o Arraial de Nossa Senhora do Remanso, que anos mais tarde foi transformado em cidade.

Com mais de 42 mil habitantes, a cidade de Remanso tem a economia voltada para a agricultura, pecuária e para a pesca. Ao final da moção, o parlamentar se congratula com a população, a Prefeitura e Câmara dos Vereadores, desejando desenvolvimento econômico e social para a cidade.

 

Ascom Dep. Adolfo Viana